PANDEMIA DO SISTEMA

documentário

Com direção de Naná Prudêncio e realização da Zalika Produções, o filme aborda fatores como o racismo, o desemprego, a insuficiência no atendimento de saúde nesses territórios e como todos esses elementos, juntos, resultam em uma fórmula genocida.

Epicentro da crise sanitária no Brasil, o distanciamento social foi decretado na cidade de São Paulo em março de 2020. Pandemia do Sistema - O retrato da desigualdade na cidade mais rica do Brasil documentou a mobilização de moradores e moradoras para ajudar vizinhos e vizinhas durante o período de quarentena em regiões como Sapopemba, Heliópolis, Brasilândia, Capão Redondo, Cidade Ademar, Pedreira e o município de Taboão da Serra. Na capital mais rica do país, os índices de mortes por Covid-19 se mostraram até 10 vezes maiores nas periferias e nos bairros com maioria negra. O filme constata que o vírus não foi a única causa das mortes e que a desigualdade é a epidemia mais antiga, grave e crônica na história brasileira. Em primeira pessoa, Pandemia do Sistema denuncia as ausências do estado e confirma que nos lugares mais pretos e pobres ‘Nóis só tem nóis’.

Ano de lançamento: 2020

Gênero: Documentário

País de origem: Brasil

Duração: 31 minutos

Realização: Zalika Produções

Direção Geral: Naná Prudencio

Produção Executiva: Carol Moreno

Pesquisa e Roteiro: Naná Prudencio e Semayat Oliveira

Fotografia: Naná Prudencio

Imagens / Câmeras: Naná Prudencio, Rogério Pixote, Pedro Borges, Igor Oliveira e Gustavo Moraes

Captação de Áudio: Daniel Henrique

Sonoplastia: Diocésar Pereira

Edição e Finalização: Naná Prudencio

Transcrição e Traduções: Com-versar

Assessoria de Imprensa: Semayat Oliveira

AGENDA

© 2020 Zalika Produções